Água em Anadia não cumpre padrões de qualidade

O Município de Anadia e a Autoridade de Saúde Local têm vindo a receber, ao longo da última semana, diversas queixas de munícipes, respeitantes à qualidade da água da rede de abastecimento público, em algumas zonas da cidade de Anadia, nomeadamente, no que respeita ao odor e sabor da mesma.
Segundo um comunicado emitido pela autarquia, os serviços técnicos do setor das águas atuaram, no sentido de detetar o problema, por forma a solucionar.
“Em complemento ao normal plano de controlo analítico da qualidade da água, foi acrescido um conjunto de análises extra, a fim de despistar eventuais contaminações na rede. Os resultados das análises confirmaram a existência de fatores menos positivos na qualidade da água, ou seja, foram registados valores superiores aos valores de referência, em alguns parâmetros”, dizem.

PUB

Face a estes resultados, a Câmara Municipal diz que os Serviços da Autarquia atuaram de imediato e ajustaram o tratamento aplicado na rede de distribuição, e uma monitorização ainda mais rigorosa, assente num exigente plano de controlo analítico, por forma a confirmar a normalidade desses parâmetros.
“Ainda assim, tendo em conta as bactérias detetadas nas análises realizadas, existem alguns riscos para a saúde relacionados com o consumo direto de água da rede pública, até a situação estar devidamente regularizada, de acordo com a legislação em vigor”, pode ler-se em comunicado.
A autarquia avisa ainda que as populações mais afetadas serão as da União das Freguesias de Arcos e Mogofores, Sangalhos, Avelãs de Caminho, Avelãs de Cima, Moita e da União das Freguesias de Tamengos, Aguim e Óis do Bairro, e a localidade de Espairo, e aconselham a população a adotar algumas medidas mitigadoras do risco, como por exemplo a desinfeção por fervura.
Este método é uma forma simples e muito eficaz de destruir praticamente todos os organismos potencialmente patogénicos para o homem. Para isso é necessário:
• Ferver a água durante 5 minutos, contados a partir do momento em que se atinge o ponto de ebulição, ou seja, quando a água começa a borbulhar com maior intensidade;
• Após a fervura, poderá ser adicionada uma gota de limão à agua para melhorar o seu sabor;
• Colocar a água em recipiente tapado e de preferência em local fresco.
“Esta situação tem uma relação direta com o estado de seca generalizada que o país está a passar, e que obriga o Município de Anadia a uma captação de água a uma profundidade maior, com oscilações na qualidade da mesma. Assim, apelamos a um consumo mais responsável e moderado de água, por parte de todos, num esforço que tem de ser coletivo”, explicam.
Advanced Heading
SUBSCREVA JÁ

NEWSLETTER

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceito Ler mais