Quinta das Bágeiras promove evento sobre os “vignerons”

A Quinta das Bágeiras abre as suas portas no próximo dia 22 de junho para receber vitivinicultores-engarrafadores, ou “vigneron”, produtores de vinho que utilizam apenas as uvas que cultivam para fazer o vinho e o que o engarrafam, explicação de Mário Sérgio Nuno.

O evento designado por “Vigneron, As Nossas Uvas, Os Nossos Vinhos” contará com mais de uma dezena de convidados de todo o país e celebra os 35 anos da marca Bágeiras.

O objetivo deste evento é mesmo dar visibilidade aos “vignerons” portugueses, designados pelo Instituto da Vinha e do Vinho como “pessoa singular ou coletiva que elabora vinho a partir de uvas frescas produzidas exclusivamente na sua exploração vitícola, em instalações próprias e exclusivas e que engarrafa nas mesmas ou nas de outrem (…) assumindo-se como único responsável do produto engarrafado (…)”.

PUBTodos os produtores participantes neste evento integram-se na categoria de vitivinicultor-engarrafador e, entre os confirmados, estão já: António Selas, Casa de Cello, Casa da Passarella, José Madeira Afonso, Júlio Bastos, Quinta da Alameda, Quinta da Atela, Quinta das Bágeiras, Quinta da Boa Esperança, Quinta de Chocapalha, Quinta da Falorca, Quinta da Pedreira, Quinta do Perdigão, Rui Reguinga, Tapada de Coelheiros e Vales dos Ares.

O jornalista Luís Lopes promove também duas provas comentadas sobre os espumantes, brancos, tintos e rosés dos vigneron. As sandes de leitão será fornecidas pela Confraria do Leitão, os doces pelo restaurante Rei dos Leitões e os peticos pelo cozinheiro Vítor Madail.

SUBSCREVA JÁ

NEWSLETTER

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceito Ler mais